DIY: Letras estampadas!


Como já comentei aqui eu acabo de mudar de apê e queria que meu quarto dessa vez fosse um pouquinho melhor decorado então estou juntando umas coisinhas para por na parede, uma coisa que já estava na minha wish list a um tempão era aquelas letras na decoração mas comprar não compensa na maioria dos lugares! Então resolvi fazer eu mesma, vocês conseguem comprar as letras em madeira na maioria das lojinhas de artesanato e se quiserem que elas sejam basiconas de uma cor só é só lixar, pintar e dar uma boa envernizada mas eu decidi fazer um pouco diferente e fazer minhas letras estampadas e patinadas!

Lente Criativa: Leveza


Vocês lembram do primeiro post que eu fiz do Lente Criativa certo? Esse mês o tema é Leveza e eu admito que amei, lembra verão, lembra felicidade, lembra paz, só coisa boa! Eu aproveitei minha viajem pra Campos do Jordão (que eu vou postar mais fotos em breve) para tirar as fotos do desafio e e eu não poderia estar mais contente com o resultado. Gostaria de ter explorado mais coisas que não fossem flores, mas elas estavam para todos os lados e elas gritam leveza, principalmente balançando ao vento coisa que é uma pena que não sai na fotografia hahaha

3 indicações de animes para suas férias


     Dezembro, principalmente depois que eu sai de férias foi um mês de muito anime pra mim e eu quis compartilhar os que eu gostei aqui com vocês! O ministério da saúde adverte, ficar trancafiada em casa como eu estou fazendo não faz absolutamente nada bem para suas habilidades sociais.
     Naquela receita básica de shoujos escolares Ookami Shoujo to Kuro Ouji proporciona várias risadas e gritinhos histéricos em escassos 12 episódios. A história gira em torno de Erika, que acaba de mudar de escola e está preocupada se conseguirá fazer amizades na nova sala, para impressionar algumas garotas ela inventa várias histórias de um suposto namorado mas vai se enrolando mais e mais até que se vê forçada a pedir ajuda ao não-tão-bonzinho-quanto-todos-pensam Kyouya. Apesar de todos verem ele como um príncipe na verdade o garoto tem uma personalidade difícil e aceita ajudar Erika se ela prometer ser sua animal de estimação.
     Não consigo nem imaginar o que se passa na cabeça dessa menina para arrumar amigas tão ruins e um affair pior ainda mas os personagens me agradaram e eu acabei gostando bastante do anime, recomendado para quem gosta de romances.


     Na verdade eu assisti Selector Infected Wixoss nas férias do meio do ano e amei de paixão, essas férias assisti a continuação Selector Spread Wixoss e apesar de não ter alcançado as altíssimas expectativas que eu tinha colocado não mudou minha opinião de que foi um ótimo anime. A personagem principal se chama Ruuko e acaba de ganhar um deck de um jogo que está super popular entre as garotas da sua idade: Wixoss, mas quando ela abre a caixa se depara com uma carta que esta viva, então ela descobre que é uma selector e que ganhando de outras selectors ela ganhara o direito de fazer um desejo.
     Logo de cara ela faz amizade com a Yuzuki, cujo o desejo digamos que é bem pouco ortodoxo, e a Hitoe e juntas elas acabam descobrindo que nem todas as regras do jogo estão bem contadas, nem todos os desejos são realizáveis, perder tem suas consequências e o própria concepção dos desejos possui enormes desvantagens. As vilãs da série são personagens que ao mesmo tempo que cativam pela beleza são completamente psicopatas. Recomendado para quem gosta de drama e um clima meio distópico!


     Eu assisti a primeira temporada de Magi ainda no fim das aulas enquanto estava revirando o Netflix, sim lá tem as duas temporadas! Apesar de eu só ter visto a primeira ainda hahaha. O anime é muito popular e vocês provavelmente já ouviram falar então estou só reforçando a ideia para que assistam! Varios personagens possuem nomes que vocês com certeza já ouviram falar: Alibaba, Aladdin, Simba e da até pra imaginar o cenário mas nessa história misteriosas dungeons apareceram no meio pelo mundo e quem conseguir completa-las com vida obtêm dinheiro, objetos mágicos e contratos com gênios que proporcionam um grande poder ao seus mestres.

     Sobre a temporada de janeiro de animes fica a dica: está saindo a segunda temporada de Kamisama Hajimemashita, que eu já mostrei pra vocês aqui, e é um dos meus shoujos favoritos estou até lendo o manga que já tem uma porrada de capítulos e também esta super recomendado. E também a segunda temporada de Tokyo Ghoul que apesar de eu não ter achado lá uma obra prima e nem ter comentado com vocês aqui, parece promissor e é um prato cheio pra quem gosta de MUITO sangue e morte.
     Também gostaria de chamar atenção para o fato que eu troquei de layout. Eu estou apaixonada por ele e a ideia foi me basear na cor do ano da Pantone, vulgo Marsala, pela qual estou apaixonada.

Abrindo as portas pra 2015

Sempre tenho algumas melancolias de fim de ano, fico triste pelos amores que perdi, pelas amizades que passaram, pelos momentos felizes que não se vivem duas vezes. Agradeço por cada momento e peço que o ano novo me traga muitas novidades. Mas não adianta só esperar que as coisas aconteçam sozinhas então aquela listinha básica de metas tem que rolar né?

Em 2015 eu vou ouvir mais meu coração
Vou entender o que ele quer de verdade, não vou fazer por impulso coisas que não tenham a ver com quem eu sou de verdade, não vou deixar as mesma pessoas me machucarem de novo e de novo, não vou ficar triste por quem não faz por merecer, vou derrubar meus preconceitos e deixar as pessoas me mostrarem quem elas realmente são.

Em 2015 eu vou fazer algum exercício físico
Eu já passei 2014 inteiro na maior sedentariedade na desculpa que não queria gastar dinheiro com academia mas levando o carro pra São Carlos minha quantidade de exercício físico vai diminuir ainda mais, então fica como meta não deixar de ir pra faculdade a pé e me organizar para fazer algum exercício e melhorar esses abs hahahaha

Em 2015 eu vou tentar fazer da minha nova casa um lugar que eu ame
Quero me entender com minha nova colega de apê como se ela fosse da família, me abrir sobre o que me incomoda e sentir que estou realmente em casa sem precisar ficar preocupada, deslocada ou deprimida e ir dormir nos sofás dos meus amigos, apesar de amar dormir lá que não seja por esses motivos.


Livro: Perdão, Leonard Peacock

Você é diferente. E eu sou diferente também. Ser diferente é bom. Mas ser diferente é díficil. Acredite em mim, eu sei.

      Quando um escritor escreve de um jeito que nos cativa nos sentimos tentados a ler um segundo livro dele e ver se nos tornaremos fans mesmo ou foi amor de um livro só, foi assim que depois de ler O Lado Bom da Vida eu acabei comprando também Perdão, Leonard Peacock. O resultado foi o esperado e por mais que aparentemente seja natural do autor o clima melancólico eu compraria mais um terceiro e quem sabe um quarto livro dele sem pensar duas vezes. Mas cuidado, já aviso que vocês podem ficar com cara de depressão depois de ler! hahahaha.
     A história é sobre Leonard Peacock um garoto que pretende no dia do seu aniversário matar seu antigo melhor amigo e em seguida se matar. Mas antes ele decide dar para as pessoas que são importantes para ele de alguma forma um presente de despedida. Apesar da temática o livro começa suave, por vezes até engraçado, com personagens bem peculiares, mas conforme você vai descobrindo mais sobre o que levou Leonard a essa decisão e o momento tão esperado o livro fica bem pesado, eu não recomendaria para qualquer um mas recomendo a quem quer fugir do romance clichê um pouquinho, e outra, o livro é bem baratinho! Dá pra comprar na Submarino por 15 reais!

É uma coisa simples, mas coisas simples importam.